terça-feira, 29 de dezembro de 2009

2010/Tempo de Paz



Eu acredito que em 2010 teremos mais tempo...
tempo para aprender tudo o que o
homem fez no passado,
tempo para ensinar o que de bom aprendemos,
tempo para refletirmos em nossos erros,
tempo para fortalecermos nossos acertos,
tempo para restabelecer laços que se romperam,
tempo para estreitar amizades que conquistamos,
tempo para falar de nossos sonhos,
ouvir um pouco dos sonhos do próximo.
Tempo para trabalhar muito mais,
atingir metas, objetivos,
tempo para espreguiçar gostoso, se divertir,
ou simplesmente não fazer nada.
tempo para cuidar da mente,
do corpo, da saúde,
tempo para Deus, para cuidar do espiritual.

Eu acredito que 2010 será um tempo de colheita,
jogaremos fora as sementes ruins que não germinaram,
adubaremos com amor as sementes
que começam a florescer.
Sobretudo, 2010 é um ano de plantar novos sonhos,
novos programas,
restabelecer aquele sorriso quase infantil,
aqueles sonhos mais simples,
andar descalço na areia fofa,
correr feito criança para os braços dos pais,
chorar pelos que se foram,
plantar uma árvore e recomeçar...
A vida recomeça a cada dia e bendito seja
o Criador da vida
que nos dá a oportunidade de recomeçar sempre.

Eu acredito que 2010 será muito melhor,
principalmente porque eu acredito em você,
e você é o principal motivo do mundo acreditar na paz.

Feliz 2010, feliz você,

feliz o mundo que pode contar com você,
eu acredito em você, sempre!

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Cidadania Vencendo o Preconceito

(estivemos no ultimo sábado 12-12-09 no hospital psiquiátrico Luiz Inácio na conde da boa vista no quintal de nossa igreja, e quero relatar que foi uma das mais belas experiências que Deus pode nos proporcionar com aquelas pessoas. eu (Douglas) pude expressar o que meu coração estava ardendo em vontade que era cuidar daqueles pequeninos, só o fato de você tocar no rosto deles corta seus cabelos fazer sua barba, são simples gestos que marcam para sempre qualquer pessoa. O fato de encontrar irmãos de mesma fé ali enternados por conta de doutrinas mal expressadas em varias igrejas nos leva a refletir, qual o cristo que esta sendo proclamado nas novas igrejas? o cristo da loucura? Fica a pergunta.)

Para não termos muitas perdas no dia da colheita, semeemos - ou melhor, demos - abundantemente durante a atual estação de semeadura (v. 6; Lucas 6:38; Deuteronômio 15:10). O que Deus puser em nosso coração, façamos, e façamos alegremente. O que guardamos para nós mesmos não nos enriquecerá, e o que dermos não nos empobrecerá jamais (Provérbios 28:27). A graça de Deus nos assegurará a provisão "sempre, em tudo" com "ampla suficiência" (v. 8). Os versículos 11 a 14 nos lembram de que a generosidade desinteressada produz, nos que são ajudados, ações de graças a Deus e orações a favor dos ajudadores. Começando com um assunto que poderíamos julgar secundário, ou seja, o se dar aos outros, o apóstolo dirige nosso pensamento para os mais gloriosos temas: a humilhação do Senhor (8:9); e o dom inefável de Deus (v. 15). Aprendamos a passar dos pequenos fatos da vida cotidiana para as profundas verdades de nossa fé. Uma simples refeição, uma reunião familiar, um presente dado ou recebido com amor são oportunidades para dar graças a Deus e pensar no Dom por excelência: aquele que o Deus de amor enviou ao mundo (João 3:16).
video